Voltar atrás

ORCA DE SEIXAS

Ano: 1998

Localidade: MOIMENTA DA BEIRA, VISEU

Sepultura pré-histórica com cerca de 6.000 anos composta por uma câmara poligonal alongada e corredor longo. Por finais do século passado encontrava-se em muito mau estado de conservação e envolta em vegetação, entulhada com pedras e com alguns dos seus monólitos tombados ou fragmentados, colocando em causa a estabilidade do monumento. Os trabalhos de escavação, conservação e valorização, promovidos em 1999 pelo Município de Moimenta da Beira e executados pela ArqueoHoje no âmbito do Programa Comunitário LEADER II, sob gestão da Associação do Douro Sul, proporcionaram-lhe o devido restauro, procedendo-se à recolocação dos esteios tombados ou deslocados, à reintegração da metade superior de um dos esteios que ladeava a laje de cabeceira, à estabilização da estrutura interna através de uma sapata pétrea coberta com gravilha, colmatação do espaço dos esteios em falta por muretes de pedra seca, estabilização da laje que servia de porta e colocação da única laje de cobertura do corredor ainda existente. A Orca de Seixas faz parte de uma necrópole mais vasta espalhada pelo Planalto da Nave, da qual ainda se preservam mais de uma dezena de monumentos, encontrando-se inserida num circuito de visita devidamente sinalizado. 

Publicação dos resultados: ARQUEOHOJE (2000), Circuito pré-histórico da Nave (Moimenta da Beira), Câmara Municipal de Moimenta da Beira.


Promotor: Município de Moimenta da Beira



          © 2015 ARQUEOHOJE - Todos os direitos reservados